R7

Buscar no R7

Bruna Pazinato vive a protagonista de Lia, nova produção da Record TV

Quarta, 20 de Junho de 2018

Depois de atuar em O Rico e Lázaro, a jovem atriz e cantora gaúcha encara o ‘principal desafio’ da carreira.

Bruna Pazinato foi o nome escolhido para viver a protagonista da minissérie Lia, que estreia na Record TV a partir do próximo dia 26 de junho, às 20h30, substituindo a novela Apocalipse. Este é o segundo trabalho de Bruna na teledramaturgia. No ano passado a atriz e cantora, de 23 anos, estreou na TV dando vida à personagem Rebeca na novela O Rico e Lázaro, que lhe rendeu a oportunidade de gravar seu primeiro disco solo (EP).

Nascida e criada no interior do Rio Grande do Sul, em uma cidade de oito mil habitantes, Santa Bárbara do Sul, a jovem promessa ingressou na vida artística ainda com doze anos de idade, quando começou a cantar músicas tradicionais gaúchas e o chamado sertanejo boêmio. Depois de participar de festivais e teatros locais, Bruna Pazinato concluiu o ensino médio e veio a dúvida sobre o futuro profissional, “quando terminei o ensino médio eu pensava em qual faculdade fazer, pensei até em veterinária, bióloga, pensava mais em seguir por este lado, mas percebi que não tinha nada a ver comigo. Eu comecei a pesquisar sobre canto e atuação, que era o que eu gostava. Achei diversos cursos em São Paulo e no Rio que focavam em teatro musical e a partir daí eu comecei a pensar em me profissionalizar nesta área. Então fui para São Paulo estudar e me formei como atriz e fiz bacharelado em música”, contou.

Depois de conseguir seu primeiro trabalho na televisão, a atriz e cantora explica como conseguiu se adaptar em uma nova cidade e fala do pré-conceito que tinha do Rio, “eu vim morar no Rio de Janeiro por nove meses durante a novela O Rico e Lázaro. Eu tinha um preconceito sobre a cidade, em vários sentidos, desde segurança até a maneira como as pessoas poderiam te tratar. Mas morando aqui eu percebi que não é isso. A cidade tem um outro ritmo, mas se você o entende se dá bem. Na verdade, o Rio e as pessoas daqui são extremamente encantadores”.

Para encarar este novo desafio na carreira, Bruna Pazinato conta como conseguiu o papel de protagonista e revela ter feito teste inicialmente para viver outra personagem na minissérie, “inicialmente eu fui chamada para fazer teste de caracterização da personagem Zilpa. Depois com os testes de vídeos decidiram que eu faria a protagonista Lia”, explicou a atriz que ainda falou sobre o processo de pesquisa que precisou fazer para viver a protagonista, “pesquisando mais a fundo a gente encontra diversas versões da história de Lia. Foi uma pesquisa tanto de livros, como documentários, filmes e conversas com os historiadores disponibilizados pela Record”, disse Bruna, que ainda finalizou afirmando, “sem dúvidas este é o principal desafio de minha carreira”.

Sobre a possibilidade de cantar neste novo trabalho, a artista gaúcha deixa um mistério no ar, “é uma surpresa, será que Lia vai cantar? Vamos deixar o público descobrir com o decorrer da trama. O canto sempre andou ao lado da minha vocação de atriz. Eu sempre fiz teatro musical, nunca fiz uma peça onde eu não cantasse. Quando fiz a minha primeira novela eu cantava. E agora vem a Lia no momento em que estou me preparando para lançar meu primeiro EP, que surgiu graças a meu trabalho em O Rico e Lázaro. A personagem Lia não exigia canto nem nada disso, mas eu vejo que a personagem tem uma musicalidade interna”.

Quando o assunto é o canto, Bruna deixa claro que este talento caminha ao lado da atuação e revela que a cantora Elis Regina é uma inspiração para esta junção entre o campo da música e da atuação, “o meu cantar surgiu antes do meu atuar, mas essas duas coisas sempre andaram juntas. Eu acredito muito nesta história de Elis Regina que o canto anda muito junto da atuação, ela realmente atuava na hora de cantar e isso eu sempre admirei desde pequena. Fui para São Paulo a princípio para ser uma cantora que atuava, mas a atriz foi falando mais alto e comecei a ter grandes oportunidades”, lembrou Pazinato.

A história da minissérie Lia é uma visão da trajetória de Jacó contada através do olhar de Lia, uma mulher que resiste a tudo, supera a rejeição, o desprezo, a humilhação, até que finamente ganha o respeito e o amor do homem pelo qual sempre foi apaixonada. Para Bruna Pazinato este olhar traz à tona a questão atual do empoderamento feminino, “é mais uma conquista das mulheres neste sentido. Antes já tinha tido José do Egito, O Rico e Lázaro, a gente vê muitos homens justamente porque naquela época as mulheres eram como se fossem algo de poder do homem, elas não tinham voz. Ver essa mudança no mundo e dar vida a esta mulher que é tão forte, que deu força a Jacó para que ele se mantivesse nos trilhos de Deus, é gratificante. Ela é até feminista em alguns momentos da minissérie, mas o tempo não permitia ser mais. Acho que é uma forma da emissora mostrar como apoia essa ideia da mulher ter voz. É um momento muito importante para esta minissérie vir à tona”, declarou a atriz.

Bruna Pazinato conta que acredita no poder da fé e diz que a positividade da personagem é algo que também enxerga dentro de si própria, “acredito em fé, acredito na história de Jesus, mas não tenho uma religião fixa, acredito na força do bem, que se você emana energias positivas, elas voltam para você. Se você faz tudo com amor as coisas acontecem e Deus olha muito para isso, eu acredito que eu tenho muito essa positividade da Lia dentro de mim”, e convida os telespectadores a assistirem à minissérie, “O público pode esperar um produto completamente novo, visualmente incrível, com atores muito bem sincronizados e entregues, fazendo o trabalho com muita paixão. Essa história vai ser muito emocionante eu estou encantada pelo projeto, vocês não podem perder”.

 

A minissérie Lia é escrita por Paula Richard e com direção geral do argentino Juan Pablo Pires.

 

Crédito das fotos: Munir Chatack/ Record TV

Saiba das nossas novidades

Cadastre-se abaixo e receba a nossa newsletter.
Record
Av. do Contorno, 1545 - Floresta - Cep 30.110-005 Belo Horizonte - MG / Telefone: (31) 3217.8200